Relatório afirma que PIB pode cair até 6% com falta de água

634

Um relatório chamado “High and Dry: Climate Change, Water and the Economy” trouxe à tona que alterações climáticas levarão a impactos no planeta de diversas formas. Em primeiro lugar, no ciclo da água, que vai se refletir também na alimentação, energia, sistemas urbanos e ambientais.

De acordo com o relatório, o crescimento da população levará a um aumento das necessidades de água, que estará incerta para o consumo. Além disso, a redução da água doce e sua utilização em setores como energia e agricultura pode deixar as cidades com dois terços a menos de água em 2050.

O Banco Mundial alertou que as taxas de crescimento em algumas regiões do mundo poderão cair até 6% do Produto Interno Bruto (PIB – a soma de todas as riquezas produzidas por um país) até 2050, se não existirem políticas de gestão de água. Se os modelos climáticos se confirmarem, a escassez de água se estenderá para regiões em que hoje não existem e piorar nas regiões em que já acontece, pois costumam ser ainda mais sentidos pelos mais pobres, que costumam depender de agricultura e, consequentemente de chuva, para garantir seu sustento.

A gestão da água será vital para redução da pobreza e para evitar migrações e conflitos civis, visto que sua escassez tem impacto no preço dos alimentos e no crescimento econômico. Por outro lado, de acordo com o relatório, melhores práticas na gestão de recursos aquáticos poderão elevar a taxa de crescimento em até 6%.

A proposta do Banco Mundial para uma melhor gestão deste recurso que pode reduzir o impacto é otimizar sua utilização, planejar, criar incentivos e expandir a quantidade e disponibilidade da água.

Na sua opinião, o que pode ser feito para melhorar a gestão da água no mundo?

* É permitida a reprodução parcial ou total deste material, desde que citada a fonte com link.

Comentários

Comentários

ADS-BOTTOM-SPED-CONTROLE