Tchau malha fina: restituição do 5º lote de 2015 é depositada

1468
ads-topo-3

Os contribuintes inseridos no quinto lote de restituições do Imposto de Renda 2015 e que estavam na malha fina da Receita Federal, por conta de divergências ou inconsistências nas informações prestadas naquela declaração, podem ter depositados o dinheiro ainda nesta segunda-feira (16). Para isso, as retificações devem ter sido feitas e uma conta válida indicada.

O valor depositado referente à restituição ficará disponível durante um ano. Entretanto, se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-­la on-line, a partir do preenchimento de um formulário eletrônico (Pedido de Pagamento de Restituição) ou diretamente no e-­CAC, no serviço “Extrato do Processamento da DIRPF”.

A Receita Federal liberou a consulta ao 5º lote de restituições do Imposto de Renda de declarações de 2015 presas na malha fina na última segunda-feira (9).

Foram liberadas restituições para 32.457 contribuintes, que gerou R$ 78,65 milhões em restituição, valor já corrigido em 14,07%, correspondentes à taxa Selic de maio de 2015 a abril de 2016, acrescidos de 1% deste mês.

Além do lote de 2015, a Receita liberou novos lotes residuais de restituições de 2008 a 2014. Esses lotes também são referentes às declarações presas na malha fina da Receita.

E se o dinheiro não for creditado?

Caso o dinheiro não seja creditado na conta indicada pelo contribuinte, ele pode ir a qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento para agendar o crédito em conta corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Os telefones da Central de Atendimento são:

4004­0001 (capitais)

0800­-729­0001 (demais localidades)

0800-­729­0088 (exclusivo para deficientes auditivos) Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar o site da Receita (www.receita.fazenda.gov.br) ou ligar para o Receitafone (146). Em ambos os casos é preciso ter o número do CPF.

* É permitida a reprodução parcial ou total deste material, desde que citada a fonte com link.

Comentários

Comentários