PIS/PASEP 2014: prazo de saque chega definitivamente ao fim

644

Termina nesta quinta-feira (29) o prazo para que os beneficiários do abono salarial (PIS/Pasep) do ano-base 2014 realizem o saque nas agências bancárias (ver mais abaixo). Mais de 900 mil pessoas têm direito a receber o dinheiro, um total de R$ 794 milhões) e ainda não fizeram o saque.

A retirada do benefício pode ser feita nas agências bancárias, no entanto, se o trabalhador tem o cartão cidadão com senha, poderá sacar em um terminal de autoatendimento da Caixa Econômica ou em casas lotéricas até sexta-feira (30).

 

Para quem está disponível?

O abono salarial ano-base 2014 está disponível para trabalhadores inscritos no Programa de Integração Social (PIS) ou Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) que tenham pelo menos 30 dias de trabalho com carteira assinada naquele ano e que recebeu remuneração mensal média de, no máximo, dois salários mínimos.

O PIS é destinado aos trabalhadores do setor privado e o Pasep, aos do setor público.  Para conferir se tem direito ao benefício, o trabalhador pode acessar o portal do Ministério do Trabalho.

 

O prazo

O prazo para saque começou em julho de 2015 e terminou em junho de 2016, mas ainda restavam 1,2 milhão de saques a serem feitos.

Por conta disso, o Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (CODEFAT) ampliou o prazo de saque até 30 de dezembro de 2016.

Se por ventura o profissional da agência bancária negar o pagamento, pensando em se tratar do abono salarial do ano-base 2015, deve-se explicar que se trata do ano-base 2014.

Caso ainda assim os dados não sejam localizados, é possível pedir para fazer uma atualização cadastral no próprio banco.

 

* É permitida a reprodução parcial ou total deste material, desde que citada a fonte com link.

Comentários

Comentários